Você está aqui
Home > EUROPA > Europa > Espanha > Almeria > Almeria abriga seu Mojacar village

Almeria abriga seu Mojacar village

Falar da cidade de Almeria é falar de praias e de turismo, mas é também falar de cultura, uma vez que conta com a segunda maior edificação árabe de Espanha, a Alcazaba, apenas ultrapassada pelo Alhambra de Granada. Quando falamos de Almeria, é bom que se saiba que há um lugar que não se pode passar ao lado, e que devemos visitar. É a Alcazaba, do século IX, que, com os seus 43000 metros quadrados é a segunda maior edificação árabe de Espanha, apenas superada pela Alhambra de Granada.

almeria01
O Passeio Marítimo de Almeria, os seus monumentos e o seu encanto, são as coisas que não deve perder por aqui. O percurso cultural por edifícios históricos de Almeria pode continuar com a visita à Igreja de São João, ao Hospital Real, da época renascentista, ao Passeio de São Luís, à Catedral de Almeria, construída no século XVII para repelir os ataques dos Bereberes que chegavam por via marítima, o Convento de las Puras e o Palácio Episcopal.

Alcazaba

almeria01b
A Alcazaba de Almeria encontra-se cerca de 90 metros acima da cidade. Juntamente com a Alhambra, de Granada, é um dos principais castelos do Sul de Espanha. Foi construído no século X pelo Califa Abderramán III. No seu tempo, conseguiu dar abrigo a 20000 pessoas. Em 1522, uma grande parte do castelo foi destruída por um terremoto. Desde os anos 50 uma grande parte do castelo foi restaurada. Na realidade, é um maravilhoso lugar e um fantástico sítio para se estar durante a tarde. Felizmente, não é um lugar tão saturado de gente como a Alhambra de Granada.

 

almeria01d

Almería originou-se com a necessidade de um melhor sistema de defesa que as cidades árabes teve. Foi Abd-al-Rahman III que fundou a Alcazaba (Cidadela), que deu a esta cidade o seu nome: Al-Mariy-yat (A Sentinela). É a maior fortaleza já construída pelos árabes na Espanha e abrigou-os em sua parede tripla,  palácios e mesquitas. Durante o século 10, Almeria foi o principal porto comercial do Califado de Córdoba, com mais de 10.000 fábricas têxteis na sua medina.

almeria26

De construção árabe, um Alcazaba era uma cidadela com muralhas a defendê-la. Constituia-se de casas para os seus habitantes, uma mesquita e várias ruas que interligavam todos estes pontos. Apesar de estar parcialmente destruída e já se ver muito pouco do realmente seria a dimensão deste Alcazaba de Almeria, podemos ver ainda as muralhas e uma típica casa árabe.Ao lado do Alcazaba está o Parque de Castilla, com os seus belos jardins e onde podemos desfrutar de um bom passeio.

almeria07

Para além dos edifícios históricos, Almeria guarda no seu interior bonitas praças cheias de história, como a Praça del Bendicho, a Praça Masnou, a Praça Pablo Cazard … e ruas emblemáticas como a Calle Séneca. Mas além de tudo isto, em Almeria, não deve esquecer de  dar um passeio pelo Passeio Marítimo da cidade onde aliás registramos esta foto.

almeria27
Mojacar – Ao chegar em Almeria percebemos a sua influência árabe, o amontoado de casas brancas em ruas desalinhadas, com um aspecto inacabado e algumas pessoas na rua com aspecto marroquino . A sua localização geográfica, o seu tempo mais árido complementam a teoria de que não sabemos muito bem se estamos em Marrocos ou de fato no sul de Espanha.

 

Cercada de história e belas construções, a Almería encanta os visitantes graças à região privilegiada junto ao mar.

Guardada pela imponente alcazaba, a maior fortaleza erguida durante o domínio árabe na Andaluzia, Almería vem crescendo como destino turístico nos últimos anos, graças ao seu legado histórico, sua posição privilegiada junto ao mar seus novos trechos urbanizados com restaurantes e bares. Almería também está próxima de um dos tesouros litorâneos do sul da Espanha, o Parque Nacional Cabo de Gata.

almeria20
Não se deve deixar Almeria sem primeiro realizar um passeio sob a sombra das palmeiras, do Nicolás Salmerón Park, que corre ao longo do litoral. A partir daí podemos ter algumas das melhores vistas panorâmicas da marina e do porto. Dos terraços pode-se observar as pessoas caminhando pelas ruas de Tenor Iribarne e Concepción Arenal, apreciando o clima incrível que esta cidade tem durante todo o ano (mas pegamos chuva em fevereiro). Outra opção é fazer uma caminhada pelo Paseo de Almería e pela rua Real olhando as fachadas coloridas e o terrãos “( andares superiores desabitados), para sentir o pulso de uma das cidades mais carismáticas da Andaluzia

Almeria possui lugares com vestígios da Idade do Bronze. Los Millares e El Algar são lugares que exibem marcas da pré-história e da evolução da Península Ibérica. Atualmente, ainda podemos observar o caminho percorrido pelos Tartessos, pelos Fenícios, pelos Gregos e pelos Cartagineses, e ainda pelos Romanos. Todos eles vieram até Almeria para sacar ouro (e prata) das minas e dos rios. Os Romanos chegaram aqui aproximadamente durante o século III a.C., tendo chamado Portus Magnus à atual capital. Tiveram o controle de Almeria até à chegada dos Visigodos, no século VII. Posteriormente, foram os Árabes que aqui estiveram durante centenas de anos. Assim, esta terra é muito rica em legados deixados por diversas culturas.

almeria01g
Plaza Vieja ou Praça da Constituição como é chamada formalmente. Antigo foco muçulmano da cidade velha agora abriga a praça principal de Almería onde fica o edifício da Câmara Municipal e também no centro da praça, o “Monumento aos Mártires da Liberdade ou Colorados” apelidado ” Pingurucho “. Este é um obelisco emblemático, construído em memória de 24 pessoas liberais, que vieram para as praias de Almeria com casacas vermelhas (daí o seu nome), a proclamar liberdade e a constituição contra o despotismo de Fernando VII. A praça é fechada por arcadas e na parte norte da fachada da praça esta o Convento da Claras, reconstruído após o incêndio sofrido na Guerra Civil Espanhola.

almeria04

A cidade de Almeria é a capital da província. Foi fundada pelos Fenícios e, posteriormente, foi desenvolvida pelos Romanos, tendo os Mouros também dominado a cidade. Concluindo, existe uma mistura de culturas que fazem com que cada canto desta cidade tenha o seu interesse. Almeria sofreu uma grande renovação e um grande desenvolvimento durante os últimos anos. Aliás  Almeria dispõe de excelentes comunicações com o resto da Andaluzia e da Espanha, contando com um excelente aeroporto. A Norte da capital, podemos encontrar um lugar, chamado Rioja, que se situa perto do vale do Rio Andarax, rodeado por uma espetacular paisagem cor de laranja. Ao Norte, chama atenção o Deserto de Tabernas, entre as montanhas de Los Filambres e Alhamilla. Esta região ocupa 11625 hectares de uma espetacular Paisagem Natural. Almeria é o lugar perfeito para a prática de desportos aquáticos como a vela, o mergulho, o windsurf e o remo. Almeria foi o lugar escolhido para os Jogos Olímpicos do Mediterrâneo, e, nesta província, o espírito desportivo é muito forte. Almeria, ela própria, é uma cidade moderna, aprazível, sendo um destino relaxante para umas férias.

almeria01j
Plaza de los burros – A remodelação realizada aqui resultou em uma das áreas mais visitadas em Almeria e seu nome, é devido ao tempo em que o lugar era usado em parada para carruagens puxadas por cavalos. Aqui desfruta-se as esplanadas , bares e pubs próximos ao Teatro Cervantes.

Almeria é famosa pelas suas casas gruta.  Grutas que se tornaram  casas ao longo dos últimos séculos e que atualmente ainda existem. Estas grutas-casas estão situadas nas arribas e protegem os que nelas vivem do calor sufocante do deserto. Normalmente, estas casas têm uma porta, bem como uma chaminé, que dão para o exterior. As grutas habitadas mais interessantes de Almeria localizam-se nos bairros de Chanca, Alhabia, Gador e Benalux. Esta região  rodeia Santa Fe de Modujar, próximo das recentes escavações de Los Millares, sendo que pode ser visto vestígios da Idade do Bronze na Europa, bem como um forte, datado de cerca de 2000 a.C..

almeria03

Almeria localiza-se na parte Sueste de Espanha, no Mar Mediterrâneo, e toda esta região constitui um importante recurso do Mediterrâneo. Situa-se a Sul de Múrcia, a Este de Granada, próximo do Cabo de Gata, junto à Costa Tropical: tudo isto são ingredientes desta terra localizada entre Roquetas, Los Vélez, Mojacar, o Cabo de Gata e San José, localidades que, juntamente com a cidade de Almeria, a capital da província, constituem o que há de mais importante no litoral almeriense.

A catedral de Almeria é um ponto que os visitantes não devem perder. Sua poderosa estrutura sobe no coração da cidade antiga. A catedral, com suas torres e paredes grossas, se assemelha a uma fortaleza, em vez de um templo. Este layout peculiar responde aos contínuos ataques piratas bárbaros que esta cidade costeira teve de suportar. Localizado nas proximidades estão o convento de Purasand e o Palácio Episcopal.

Veja mais fotos de Almeria:

 

Artigos similares

Deixe uma resposta

Topo