Você está aqui
Home > ESTADOS UNIDOS > California > Palo Alto e a Stanford University

Palo Alto e a Stanford University

O perfil e a credibilidade de Palo Alto decolaram como um foguete no começo dos anos 80, quando tanto a notoriedade da Stanford University quanto as fortunas de Silicon Valley explodiram. A maravilhosa Universidade, além de famosa nasceu para homenagear um filho muito querido de pais ricos mas que deixaram por longo tempo seu filho de lado para vivenciar o materialismo de então. Palo Alto fica  localizada no Estado americano da Califórnia, no Condado de Santa Clara. A cidade foi fundada em 1867, e incorporada em 1894. Recebeu esse nome devido à uma árvore comum na região, chamada “El Palo Alto”. A cidade é a sede da Escola de Palo Alto e contém porções da Universidade de Stanford, além de algumas empresas de alta tecnologia do vale do silício.

palo_alto_01a

Stanford University

palo_alto_15
A Universidade Stanford (em inglês Stanford University, diminutivo de Leland Stanford Junior University) é uma das mais importantes universidades dos Estados Unidos, no estado da Califórnia.

Uma das mais conceituadas Universidades do mundo, Stanford faz parte da história da formação do Vale do Silício por ser um centro de excelência em pesquisa, desenvolvimento e idéias inovadoras. A Universidade tem muitas atrações interessantes e abertas ao publico, além de disponibilizar tours gratuitos  por suas dependências.

palo_alto_49
Em outubro de 1891, a Universidade Stanford abriu suas portas no Estado da Califórnia, na região conhecida como Palo Alto, em memória do filho do fundador, Leland Stanford. Desde então, a universidade cresceu, não apenas em número de alunos e funcionários, mas também em material acadêmico e docente, para oferecer aos seus alunos a melhor educação e situar-se entre as cinco universidades mais prestigiosas dos EUA.

Localizada na charmosa cidade de Palo Alto, no coração do Vale do Silício, também é destino turístico. Depois de seis anos de planejamento de construção, a instituição foi inaugurada em 1891 pelo senador norte-americano Leland Stanford, em memória de seu filho Leland Jr.

 

palo_alto_06a
O campus da universidade abriga 27 mil árvores e plantas de 400 espécies, mosaicos, esculturas e outros trabalhos de artistas famosos, como Henry Moore, Auguste Rodin, Josef Albers, Alexander Calder, George Segal e Joan Miró. Vale a pena ir a Palo Alto (a 53 km de San Francisco) para visitar os jardins da universidade, suas 25 bibliotecas, a Memorial Church e o Cantor Museum (museum.stanford.edu/). www.stanford.edu

Em 1886, Leland Stanford foi morar na região com o intuito de criar uma universidade e uma estação de trem perto do centro de Mayfield, mas sua exigência era de que o consumo de bebidas alcoólicas fosse proibido. Como o distrito de Mayfield rejeitou a proposta, Stanford criou o vilarejo de Palo Alto, originalmente chamado de University Park. Na foto acima a vista de mais um ponto muito interessante na Universidade de Stanford, a Hoover Tower.

palo_alto_03
A oferta de cursos de pós-graduação dessa universidade é bastante ampla e engloba todos os campos do conhecimento. Para se informar sobre os diferentes programas, entre na página de cada faculdade onde encontrará as exigências que deve atender para ser aprovado nesses programas ou para solicitar ajuda financeira.

Desde que, em 1897, Jane Stanford, co-fundadora da universidade, considerou apropriado que os estudantes residissem próximo do local de estudo, a Universidade de Stanford desenvolveu um amplo e completo sistema de residência estudantil, que beneficia atualmente cerca de 10 mil estudantes distribuídos em 800 residências. Essas residências, em um total de 67, distribuem-se ao longo de todo o campus, a 10 minutos a pé ou de bicicleta dos edifícios onde são ministradas as aulas ou das bibliotecas. Há diversas formas de residências, desde aquelas que oferecem programas culturais ou linguísticos especiais, até as conhecidas fraternidades e irmandades, passando pelas residências clássicas, apartamentos ou residências compartilhadas.

palo_alto_34
Encontramos na Wikipédia um relato sobre Leland Stanford criador da Universoidade Stanford. •”Universidade Stanford: Casado com Jane, Leland Stanford fundou a Leland Stanford Junior University como um memorial para seu filho, Leland Stanford, Jr., que faleceu ainda jovem de tifóide em Florença, Itália, em 1884, quando participava de uma viagem à Europa. A fortuna da família Stanford durante o final do século XIX era estimada em cerca de US$50 milhões.”

Os primeiros registros históricos de Palo Alto remontam à 1769, quando Gaspar de Portolà notou um assentamento indígena na região.  A cidade foi nomeada em função de uma árvore muito alta que existia nas margens do córrego São Francisquito. Ainda hoje é possível encontrar metade dessa árvore em Palo Alto – a outra metade foi destruída quando o córrego inundou. Perto da árvore uma placa conta uma história de 1769 em 63 homens e 200 cavalos, em uma expedição de San Diego até Monterrey que acabou errando o caminho e indo parar na Baía de São Francisco. Como a baía era muito larga para atravessar, decidiram dar a volta perto da “el palo alto”.

palo_alto_20
Aqui uma escultura de Rodin” ( criador do “O Pensador”) que esculpiu este conjunto de homens, numa obra chamada “os Burgueses de Calais“. Numa plaquinha, encontramos a história: durante a Guerra dos Cem Anos, o rei da Inglaterra Eduardo III, cercou a cidade francesa de Calais e o rei francês pediu que seus súditos resistissem. Mas ele próprio não conseguiu libertar a cidade, e seus habitantes começaram a passar fome, pois estavam sitiados. O rei inglês, então, propôs que seis dos homens mais importantes da cidade se entregassem (provavelmente à execução) que ele libertaria o povo. Para isso, esses homens deveriam sair do castelo vestindo o mínimo de roupas, cordas no pescoço, mãos atadas e as chaves de Calais. Seis burgueses foram os voluntários. Um deles, o líder da cidade. E foi esse momento em que eles saíam de Calais, com um misto de heroísmo, pavor, tristeza e hombridade, que Rodin optou por retratar na obra.

Cada um dos burgueses expressa uma emoção diferente, e todos estão ao nível do chão e tem o tamanho de um homem normal – um desejo de Rodin ao criá-los, para aproximar a obra de quem a vê. Todos, vestidos em trapos e desespero, nem de longe parecendo os homens nobres que a história conta que eram. Saiba que na verdade, os Burgueses de Calais não foram executados. Na hora H, a rainha da Inglaterra, que estava grávida, disse que seria de muito mau agouro executar 6 homens em uma data tão próximo do nascimento do bebê. O rei concordou e, voilá, poupou os 6 homens.

palo_alto_05
Em Stanford existe o Cantor Arts Center, que entre uma série de coisas possui um acervo impressionante de réplicas de Rodin.

Assim como ocorre com as outras universidades norte-americanas de grande prestígio, Stanford caracteriza-se por ser bastante seletiva na hora de aceitar alunos. Isso quer dizer que dos 19 mil estudantes que solicitam sua inscrição anualmente, somente 12,7% são admitidos, dos quais apenas 5% são estrangeiros, o que significa: 900 estudantes. Seguindo essa linha seletiva, somente aqueles estudantes que demonstrem um magnífico histórico escolar e excelentes qualidades pessoais serão admitidos nesta universidade. Além disso, será considerada a participação em atividades esportivas, artísticas ou extra acadêmicas durante sua etapa estudantil. Para a inscrição, será considerada a pontuação obtida nas provas SAT I ou ACT e, caso sua língua materna não seja o inglês, será necessário apresentar pontuação superior a 257 pontos no exame TOEFL.

palo_alto_30
Foi nessa universidade que surgiu o projeto de um sistema de busca que veio a se tornar o atual Google.

O campus é composto de sete lindos edifícios, quatro dos quais oferecem apenas cursos de pós-graduação. Estas são suas faculdades: Faculdade de Ciências da Terra, Faculdade de Engenharia, Faculdade de Humanidades, Escola de Administração, Faculdade de Educação, Faculdade de Direito e Faculdade de Medicina.

palo_alto_27
Cada faculdade em Stanford conta com um jornal on-line onde são apresentadas todas as novidades relativas à sua área de estudo, assim como as notícias ocorridas no campus, a fim de manter seus estudantes informados.

Além das carreiras universitárias, doutorados e mestrados, Stanford oferece também outros cursos, como continuação dos estudos, cursos para executivos na área de negócios e direito, cursos de verão, cursos para estudantes de K-12 e outros programas para crianças e professores da região.

palo_alto_31
Complementando a oferta acadêmica, a universidade dispõe de importantes recursos acadêmicos para oferecer uma formação completa aos seus alunos, englobando desde bibliotecas até catálogos e outras coleções.

Palo Alto serve como um ponto central de foco econômico do Vale do Silício, e é a sede de mais de 7.000 empresas que empregam mais de 98.000 pessoas.  Muitas empresas de tecnologia de destaque localizam-se no Stanford Research Park em Page Mill Road, enquanto que nas proximidades Sand Hill Road na cidade adjacente de Menlo Park fica um centro notável de capitalistas de risco. A economia da cidade em geral, segue as tendências econômicas do resto do Vale do Silício.  Muitas  empresas e instituições de pesquisa de muito destaque pelo mundo têm sede em Palo Alto. Tais como: Facebook ; ‘S A9.com Amazon.com ; BMW (Tecnologia) ; Hewlett-Packard ;Nokia Research Center ; Wall Street Journal  entre muitas outras.

palo_alto_03a

Hoje em dia, pense duas vezes antes de passar de uma vaga de estacionamento no efervescente centro da cidade de Palo Alto: a cidade quase perfeita é sempre muito ativa. Não se preocupe: é um ótimo lugar para andar, então encoste o carro e caminhe pela malha de ruas planas até chegar aos favoritos, como a moderna Lyfe Kitchen. Lojas atraentes se alinham na rua principal, a University Avenue, que leva você até o coração do campus Stanford. Também nas proximidades da universidade encontra-se o Stanford Shopping Center, com as lojas Armani Exchange, Tiffany & Co., Stella McCartney, estacionamento com manobrista e estações de carregamento de veículos elétricos .

Artigos similares

Deixe uma resposta

Topo